fbpx Skip to main content
0

Branding: o que é e por que sua empresa precisa dele

By 10 de abril de 2019março 10th, 2021Branding
Afinal, o que é branding?

Um branding bem trabalhado pode ser a chave para o sucesso de um negócio.

Bem legal, mas… o que é “branding”?

É muito comum clientes chegarem até nós pedindo por um novo branding, quando na verdade só querem a criação de uma identidade visual.

Como a confusão entre esses dois termos é normal, resolvemos te ajudar a entender suas diferenças.

Já mostramos o que é identidade visual aqui.

Hoje, vamos explicar o que é branding e aproveitar pra mostrar por que o seu negócio deve ter um e como fazer para que ele te traga bons resultados.

Esperamos que ajude! 🙂

O que é branding?

A palavra “branding” em si é relativamente nova no marketing.

Mas, no final das contas, é só um jeito novo de definir o que boas empresas já fazem há muito tempo.

Branding é um conjunto de decisões que uma empresa toma para se comunicar com o seu público e mercado.

E o que está dentro desse “conjunto de decisões”?

Praticamente qualquer coisa que ajude a criar e reforçar a personalidade de uma marca.

Quando falamos “qualquer coisa”, é qualquer coisa mesmo. Desde uma identidade visual bem elaborada, passando pela escolha das causas sociais apoiadas pela empresa e sua linguagem nas redes sociais, até a seleção de músicas que tocam no espaço físico da marca.

É um trabalho que precisa ser bem planejado e, mais importante, consistente.

Aliás, essa é uma boa definição:

O branding ajuda a tornar uma marca consistente.

Qual a diferença entre branding e identidade visual?

A identidade visual faz parte do branding de uma empresa.

Já contamos aqui o que é identidade visual e quais são seus elementos fundamentais. Mas, resumidamente, a identidade visual é a representação gráfica de uma empresa.

É como ela se apresenta visualmente para o mundo.

Já o branding envolve toda a relação da marca com o cliente.

Elementos alternativos da identidade visual: papelaria e cartão de visita
Exemplo de uma identidade visual aplicada!

E por que muita gente acaba achando que branding é o mesmo que identidade visual?

Porque, por ser muito visual, a identidade visual acaba sendo, na maioria dos casos, a parte do branding mais explícita para o público.

Ou seja, ela é uma peça fundamental para expor e fortalecer os conceitos de uma marca. Mas (é sempre importante lembrar), ela não deve ser a única responsável por isso. Esse é um trabalho que deve ser muito mais profundo e complexo (chamado branding! :))

Por que ter um branding?

Para dar personalidade à sua marca, fazendo com que ela se destaque no mercado.

Por que isso é importante? Vamos dar um exemplo que ilustra bem isso:

Provavelmente na sua cidade, volta e meia uma loja que era supertradicional fecha as portas.

O dono alega que não estava mais conseguindo concorrer no mercado.

Todo mundo fica triste, mas ninguém comprava de fato lá. Por quê?

Bom, vamos lá:

Do jeito que nasceu, essa loja seguiu a vida inteira, sem tirar nem pôr.

Seu espaço físico era igual ao do dia em que inaugurou. Ela não entrou para nenhuma rede social. Sua identidade visual não foi atualizada.

Nada mudou.

Ou seja, ela nunca passou por um processo de (re)branding.

Só que o que aconteceu? O que funcionava muito bem quando ela surgiu parou de funcionar.

Com as mudanças no mercado e a aceleração do varejo, seus produtos, que não eram de criação própria, podiam ser encontrados facilmente em outras lojas.

E seus preços, ou concorriam com o de outras lojas mais descoladas da rua, ou eram muito altos quando comparados aos das grandes cadeias de varejo.

Ou seja, ela não oferecia nenhum atrativo ao público: nem preço interessante, nem uma marca atraente.

Por que comprar ali quando na outra loja é mais barato?

Por que pagar o mesmo preço que eu pagaria naquela loja muito mais legal da esquina?

A gente sabe que essa é uma situação bem triste e cruel e que outros fatores também podem influenciar no fechamento de estabelecimentos como este.

Mas muitas vezes só faltou um trabalho de branding.

E não necessariamente isso significa grandes investimentos ou a perda de sua essência original para ficar igual ao que já existe no mercado (o que é muito comum).

Mas apenas um trabalho de consistência de marca.

Em tempos em que temos TANTAS ofertas a um alcance tão fácil quanto a busca em um celular, é essencial saber atingir o seu cliente e fazer com que ele escolha por você.

Hoje em dia não faz sentido uma empresa não trabalhar o seu branding.

Empresas B2B precisam de um?

Para cada empresa, o trabalho de branding é diferente.

Uma empresa B2B (aquela que presta serviço para outras empresas) não precisa necessariamente se preocupar com a música que está tocando em seu escritório ou com postagens no Instagram, rede em que pode não ter muito apelo.

Mas pode ser interessante para ela estar presente no LinkedIn. Ou trabalhar o tom de voz do seu atendimento — ele deve ser mais formal, dinâmico ou despretensioso?

Ou seja, apesar de trabalhar com estratégias diferentes, um bom branding sempre traz diferencial para o seu negócio.

Como fazer um bom branding?

O campo do “branding” é relativamente novo, mas não por isso menos complexo.

Como já deu pra perceber, ele pode ser trabalhado de diversas maneiras.

A verdade é que não existe um modelo de planejamento de branding que funcione sempre para todas as empresas.

Cada negócio exige uma metodologia diferente.

Se você se interessa pelo assunto, um bom livro para começar a se aventurar é o “A Moda Imita a Vida”, escrito pelo André Carvalhal.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by 7Mídias (@agencia7midias) on

siga nosso Instagram para receber mais dicas sobre marketing! 🙂

Nele são abordadas algumas das mais populares metodologia de branding. Sempre com uma linguagem simples e tranquila.

Mas é claro que o resultado sempre fica muito mais profissional e consistente quando você trabalha com uma empresa especializada em criar brandings para empresas, como a 7mídias.

Que tal vir tomar um café com a gente para conhecermos mais sobre o seu negócio?

Por hoje, esperamos que esse artigo tenha esclarecido um pouco mais sobre esse universo enorme que é o branding.

Se ficou com alguma dúvida sobre o assunto, conta pra gente nos comentários. Será um prazer te ajudar!

Um abraço e até a próxima 🙂

Quer mais conteúdo legal assim? siga nossas redes sociais e fique sempre de olho no nosso blog! (:

7midias

Author 7midias

More posts by 7midias

Join the discussion 3 Comments

Leave a Reply